Agroecologia

A Agroecologia é um caminho

Entendemos a Agroecologia como uma ferramenta estratégica para a transformação radical da sociedade. As esferas social, política, econômica, cultural e ambiental devem ser tratadas integralmente, como partes de um mesmo organismo vivo.

Dessa forma, a agroecologia não se resume à uma técnica agrícola, à um campo científico, à um saber-fazer tradicional, ao cuidado com a terra e com todos os seres, à um modo de vida, à socialização da terra, ou à uma uma luta contra o sistema hegemônico de produção agrícola, tratados individualmente. A agroecologia é um caminho em que todos estes elementos se encontram, e onde formas de vida anti-hegemônicas se projetam no horizonte.

A transição agroecológica é a materialização desse caminhar, que deve buscar nas percepções e experiências locais de agricultoras/es, trabalhadoras/es do campo, camponesas/es, povos e comunidades tradicionais, a inspiração para uma mudança global em busca de auto-suficiência e resiliência. Na transição não há modelos a serem seguidos, mas princípios que balizam as ações.