III Sementário (2015)

Onde semeamos nossas potencialidades?

IMG-20150502-WA0001

Chamado os Grupos de Agroecologia do Brasil para o III Sementario REGA, que será realizado nas terras altas da Mantiqueira no sul de Minas de 04 a 07 de junho em Caxambu.

O Grupo Aldeia Ruderalis enquanto integrante da REGA, convoca a presença de todas as enzimas, catalisadoras dos grupos de agroecologia, interessadas em dar força aos fluxos de vida e elos da rede.

*fiquem atent@s as atualizações desta página até o inicio do encontro;

1.Objetivo      2.Grupo    3.Território 4.Sobre a estrutura e sua utilização                                       5.Por um Sementário Solidário   6.Metodologia e programação   7.Inscrição

 

1.Objetivo:

  • Valorizar as potencialidades da Rega visando o seu amadurecimento
  • Aprimorar organização e comunicação interna
  • Melhorar a articulação junto as outras entidades e movimentos da agroecologia
  • Planejar o ENGA aprimorando sua metodologia segundo os acúmulos de encontros anteriores.
  • Legitimar a identidade da REGA

Obs.: esse encontro é projetado para a capacidade de 50 participantes (enzimas catalizadoras* dos Grupos de Agroecologia)

*um ser que irá portar mensagens de/para seu grupo e co-criar a REGA com sua potencialidade a serviço da Transição Agroecológica.

2.O grupo:

O grupo Aldeia Ruderalis deriva de outros três grupos de agroecologia: Casa da Bruxa (UNIRIO), Boldinho da Urca (UNIRIO) e Pés vermelhos (UFSCAR). O maior motivador da união dos integrantes do grupo em questão foi o êxodo urbano. A partir do entendimento de que a agroecologia é uma ferramenta fundamental para a transição do sistema em que estamos. Questionamos se deveríamos continuar nossas vidas em grandes metrópoles, na universidade e reproduzindo velhos padrões de comportamento que nada tem a ver com as práticas agroecológicas.

Foi então que, em Maio de 2013, começamos nossa peregrinação rumo a nossa transição agroecológica, que no caso seria marcada pela busca por uma terra onde pudéssemos edificar nossos sonhos. No momento contamos com pequenos núcleos independentes, no sul de Minas e na Serra dos Orgãos e região dos lagos no Rio de Janeiro. Assim fortalecemoss a ideia de rede, de forma colaborativa e buscamos a manutenção e sustento das atividades ruderalis.

3.O território:

O espaço que sediará o III Sementário é uma chácara alugada por uma das famílias que integra o grupo Aldeia Ruderalis. Situada em Caxambu – MG. A região é uma zona de transição entre os biomas da Mata Altlântica, Cerrado, Campos e Mata de Araucárias. Tendo como histórico intensa produção pecuária para leite e cultivos de café. Grandes impactos ambientais e sociais foram gerados graças a uma presença forte do coronelismo e das monoculturas. Sob nossa perspectiva e analise simplificada observamos que a rede agroecológica da região se expressa por dois tipos de atores sociais: O agricultor familiar remanescente, que ainda detém os conhecimentos tradicionais, mantendo uma diversificação na produção e uma preocupação com a fertilidade do solo. E também pessoas que fizeram o êxodo metropolitano e buscam no interior uma relação mais consciente e próxima ao ambiente natural, realizando ações agroecologicas de maneiras diversas. Ambos os atores sociais, realizam atividades na construção da agroecologia, no entanto não há nesse movimento uma expressão de organização coletiva.

4.Sobre estrutura e sua utilização:

  • Área para camping:

Teremos uma área para camping com capacidade para vinte e cinco barracas, por isso sugerimos que se divida a barraca, duas pessoas por barraca no mínimo. Vale lembrar, que temos um inverno rigoroso, tragam cobertores e roupas adequadas para o frio e umidade.

  • Cozinha:

Pedimos que cada participante para trazer seus talheres, pratos e copos e se responsabilizar por participar no preparo do alimento e harmonização do espaço sempre que possível.

  • Autogestão e Próatividade

Lembramos que este é um evento que conta com a participação de todos para construção e perfeito andamento das atividades sonhadas. Enzimas que puderem chegar dias antes para a finalização das missões de infraestrutura básica se fazem necessárias. Entrar em contato para acolhimento prévio.

  • Espaço Sementinha

Um espaço de cuidados coletivos das crianças participantes

5.Por um Sementário solidário:

  • Plante o Sementário:

A ideia é que todos os grupos tragam alimentos de produção própria ou de agricultores de suas regiões. Legumes, folhas, tubérculos, temperos, processados, entre outros, para contribuir com a alimentação e deixá-la com a cara da nossa diversidade.

  • Levantamento de recursos:

Como de costume nos outros Sementários contamos com a participação dos G.As nessa etapa do processo. Nossa sugestão é que se façam eventos (e o que mais a criatividade de cada um permitir, como música, pizzada, venda de alimentos, produtos locais, artesanato, camisas, rifas, etc) para a captação de recursos, necessários ao custeio do transporte e aporte solidário, colaborando para o caixa da REGA para contribuir com a passagem de outras enzimas.

A inscrição tem um valor mínimo necessário de R$10,00/dia, total RS40,00/pessoa. Lembramos que esse Sementário não conta com o auxílio financeiro de nenhuma outra instituição.

A rede é responsabilidade de cada um que a compõe, e o objetivo é tecê-la juntos. Alguns vêm de longe, outros de perto, e é assim, amanhã será o contrário… o objetivo é que a distância e a questão financeira não sejam fatores limitante à nossa articulação.

  • Caravanas Agroecológicas:

Mobilização solidária para facilitar o transporte das pessoas rumo aos espaços e eventos Agroecológicos. A ideia é que entre o ponto de partida e o ponto de chegada, as pessoas ao longo deste percurso possam aproveitar esta carona e integrar as caravanas, viabilizando o transcurso, estimulando o apoio mútuo e a solidariedade entre os coletivos. O aluguel de transporte coletivo, a carona em veículos particulares e todas as formas de solidarizar e coletivizar o transporte tem confirmado a regra: a união faz a força!

6.Metodologia e programação:

  • Este tópico está em constante transformação, devido o caráter de organização orgânica e colaborativa próprio da auto-gestão. Os integrantes da REGA poderão continuar nesta construção através da discussão aberta no Loomio: https://www.loomio.org/g/4bOiKFjZ/rega-sementario

Apesar da constante construção, dentro de quinze dias, disponibilizaremos a sugestão de protótipo para a metodologia e programação do III SEMENTÁRIO

7.Inscrição

 

*Depósito: Os dados para o depósito serão disponibilizados após confirmação da inscrição, através do envio da ficha acima para o email:

regabrasil@gmail.com

 

4 comentários

  1. ” O III Sementário da Rede de Grupos de Agroecologia do Brasil foi lindo, nele semeamos muitas coisas lindas, programação, trabalho, nessa Sementário sonhamos muitas coisas juntxs! ”

    Viva !

  2. Bora minha gente.. nós de Viçosa já estamos aqui afinando as últimas coisas pra descer pra Caxambú pra somar com vcs aí. Este III Sementário será um passo extremamente importante para amadurecimento da REGA com os grupos do Norte e para garantirmos o sucesso do VII ENGA – Belém…

    Vamo que vamo que essa rede não para de crescer..

    Aho!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s